Clubes do Mato Grosso do Sul – Sociedade Esportiva Iguatemiense (Iguatemi)

Nome: Sociedade Esportiva Iguatemiense (Iguatemi)
Cidade: Iguatemi – MG
Fundação: 20 de março de 1979
Cores: azul / amarelo
Estádio: Adão Mendes

Fontes: Wikipedia

Estádio Adão Mendes
Compartilhe nas redes sociais....
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Pin on Pinterest
Pinterest
Email this to someone
email

Clubes do Rio Grande do Sul – Futebol Clube Estância Velha (Estância Velha)

Nome: Futebol Clube Estância Velha
Endereço: Ernesto Gerhardt Mattes, 481 – Estância Velha / RS
Fundação: 31 de julho de 1934
Cores: azul / branco
Estádio: das Acácias
Histórico: Equipe tradiconal do futebol amador gaúcho. Tem em seu currículo a conquista do Campeonato Gaúcho de Amadores – 1ª Categoria de 1979. Atualmente disputa as categorias de base da Federação gaúcha de Futebol.

Fonte: Site do Clube e timesdors.blogspot

Compartilhe nas redes sociais....
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Pin on Pinterest
Pinterest
Email this to someone
email

Clubes do Piauí – Racing Futebol Clube (Teresina)

Nome: Racing Futebol Clube
Cidade: Teresina – PI
Fundação: 2013
Cores: verde / amarelo
Estádio: Luzia Bezerra dos Santos Sales, em Água Branca
Histórico: Disputou a 2ª Divisão Piauiense no ano de 2015, fazendo uma campanha discreta. Se retirou das competições profissionais e atualmente disputa as categorias de base do Estado. Abaixo a campanha do clube em sua incursão no futebol profissional:

27.09.2015
Racing 3×2 Comercial (Campo Maior), em Água Branca – PI
03.10.2015
Racing 0x0 Picos (Picos), em Picos – PI
10.10.2015
Racing 1×3 Altos (Altos), em Altos – PI
18.10.2015
Racing 0x0 Oeiras (Oeiras), em Água Branca – PI
26.10.2015
Racing 1×2 Timon (Timon), em Timon – MA
31.10.2015
Racing 1×1 Comercial (Campo Maior), em Castelo do Piauí – PI
08.11.2015
Racing 2×2 Picos (Picos), em Água Branca – PI
15.11.2015
Racing 0x1 Altos (Altos), em Água Branca – PI
21.11.2015
Racing 0x3 Oeiras (Oeiras), em Oeiras – PI
28.11.2015
Racing 0x0 Timon (Timon), em Água Branca – PI

Fontes: Futebol Nacional e Página no Facebook do Clube

Compartilhe nas redes sociais....
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Pin on Pinterest
Pinterest
Email this to someone
email

Clubes de Minas Gerais – Operário Futebol Clube (São João Nepomuceno)

Nome: Operário Futebol Clube
Endereço: Rua Capitão Bráz, 55 – São João Nepomuceno / MG
Fundação: 14 de julho de 1918
Cores: verde / amarelo
Estádio: Carlos Stiebler

Datas Históricas:

07 de setembro de 1921 – inauguração do atual campo de futebol
29 de outubro de 1933 – eleição da primeira Casa Real do Clube tendo como rainha Tereza Patrício de Mendonça e como princesas, Maria Madalena de Abreu e Romana Marotti.
1934 – compra da antiga sede na administração de João Pereira do Nascimento
1935 – primeira diretoria feminina de um clube de futebol em São João Nepomuceno, tendo como presidente Hercília Linhares e como vice-presidente Jovenita Gomes
1947 – criação do Hino do Operário, tendo como autores Onofre Pereira (letra) e jéferson Silva (música).
1947 – consagrou-se como o primeiro campeão municipal, em competição promovida por uma entidade local, a Associação São Joanense de Esportes (ASE).
1948 – criação do boletim informativo “Operário em Marcha” em 27 de novembro.
1951 – inauguração do Estádio Carlos Stiebler, com reformas e melhorias.
1973 – inauguração da atual sede social do Clube, localizada na Rua Capitão Brás, 55/67.
1978 – campeão regional na categoria de adultos, campeão da Zona da Mata.
1982 – campeão do Torneio “Haroldo Peres Martins” e do Torneio “Devolde de Castro Medina”
1991 – criação do “Conselho de Beneméritos” do Operário Futebol Clube.

Fonte: sjonline

Compartilhe nas redes sociais....
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Pin on Pinterest
Pinterest
Email this to someone
email

Clubes do Distrito Federal – Humaitá Esporte Clube (Guará)

O Humaitá Esporte Clube foi fundado em 2 de julho de 1968, no Guará. Suas cores oficiais eram a preta e a branca. Seu uniforme era composto por camisa branca com faixa transversal preta, calção branco e meias brancas (semelhante ao Vasco da Gama, do Rio de Janeiro).
Num esforço da família Carvalho, tradicional da cidade do Guará, sempre participou dos campeonatos regionais de futebol, tendo levantado os títulos de campeão do Torneio Imprensa de 1971, campeão da Taça Jarbas Passarinho em 1972 e campeão da Taça IV Aniversário do Guará em 1973.
Filiou-se à Federação Metropolitana de Futebol em 16 de agosto de 1973. Antes, no dia 1º de abril, participou do 1º Festival da Pelota (torneio de jogos com a duração de 60 minutos – 30 x 30 – e, no caso de empate, decisão através de pênaltis), juntamente com outras equipes amadoras de Brasília, terminando como vice-campeão. Na decisão, perdeu de 1×0 para o Atlético, de Brazlândia.
Sua estréia na competição oficial de 1973 aconteceu no dia 26 de agosto de 1973, no Estádio Pelezão. Com gols de Vavá e Moisés, contra um de João Dias, venceu o Carioca, por 2 x 1.
Oito clubes disputaram o campeonato de 1973 e o Humaitá ficou na sexta colocação. Nos 17 jogos que disputou, venceu 5, empatou 7 e perdeu 5. Marcou 27 gols e sofreu outros 27, ficando sem saldo de gols. Somou 17 pontos ganhos. O CEUB foi o campeão de 1973. Defenderam o Humaitá em 1973, os seguintes jogadores: Goleiro: Waldimar; Defensores: Nazo, Messias, Landulfo, Carlinhos, Itamar, Nenê, Ângelo e Emábio; Atacantes: Assis, Pedrinho, Lord, China, Gilmar, Moisés, Júlio, Vavá e Arleno. Técnico: Wilson Francisco. Vavá e Moisés estiveram entre os principais artilheiros, marcando cada um 7 gols, ficando na terceira colocação.
No ano de 1974, tornou-se campeão do Torneio Início, evento realizado no dia 14 de julho de 1974, no Pelezão. Para chegar ao título, venceu o Unidos de Sobradinho (3 x 0), o Jaguar (1 x 0) e, na decisão, goleou o Ceub (4 x 0), ficando com o título de campeão.
No campeonato brasiliense de 1974, disputado por sete equipes, ficou com a quarta colocação, após 10 jogos, onde venceu quatro, empatou dois e perdeu outros quatro.
Em 1975, participou da I Copa Arizona de Futebol Amador, competição promovida pelos cigarros Arizona e A Gazeta Esportiva e que reuniu 64 equipes amadoras de todo o Distrito Federal. Nas semifinais, derrotou a Campineira, por 2×1, gols de Aderbal e Vavá. Didi era o técnico do Humaitá. Na final, em 25 de maio de 1975, foi derrotado pelo Unidos de Sobradinho (2 x 0). Jogaram a final pelo Humaitá Edmilson, Nazo, Aderbal, Emábio e Arimatéia; Júlio César, Jânio e Pedrinho; Lóide (Antônio), Elson, Argemiro e Moisés.
Logo depois, nos meses de julho e agosto, disputou o Torneio Quadrangular da F.M.F., em Brazlândia, juntamente com as equipes do A. A. Relações Exteriores, Canarinho e Guadalajara. Foi vice-campeão, atrás do Canarinho.
Também disputou o Torneio Incentivo, com jogos nas preliminares dos encontros do Ceub no Campeonato Brasileiro de 1975. Em três turnos, disputando contra o Brasília e o Campineira, ficou com a segunda colocação.
Já no campeonato brasiliense de 1975, ficou na penúltima colocação. Oito equipes disputaram a competição.
No ano de 1976, disputou o Torneio Imprensa, primeira competição oficial da nova fase do futebol do Distrito Federal, depois da implantação do profissionalismo. Seis equipes competiram e o Humaitá ficou em último.
Veio o fatídico campeonato brasiliense de 1976. Após diversos acontecimentos não muito claros até os dias de hoje, que culminaram com a extinção do CEUB e a perda da vaga de Brasília no Campeonato Brasileiro daquele ano, o Humaitá foi proclamado campeão do 1º turno (antes vencido pelo CEUB e revertido em favor do Humaitá após o abandono do clube acadêmico). Antes do final do campeonato, mudou seu nome para Guará Esporte Clube em Assembléia Geral realizada em 27 de julho de 1976. Já com esse nome, perdeu a decisão do campeonato para o Brasília no dia 16 de outubro de 1976, por 3 x 0. Defenderam o Guará nesse jogo: Bonomo (Batista), Aderbal (Pedrinho II), Zé Mauro, Ivair e Pedrinho I; Heitor, Renildo e Zequinha; China, Redi e Palito. Técnico: Luiz Alberto.

Fonte: José Ricardo Caldas e Almeida

Compartilhe nas redes sociais....
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Pin on Pinterest
Pinterest
Email this to someone
email

Clubes do Rio Grande do Sul – Grêmio Esportivo Cruzeiro do Sul (Caxias do Sul)

Nome: Grêmio Esportivo Cruzeiro do Sul
Endereço: Avenida Rossetti, 205 – Caxias do Sul / RS
Fundação: 15 de maio de 1947
Cores: azul / branco
Histórico: Participou dos Campeonatos Varzeanos até 1959 (conquistou o título de 1956), quando se afastou de competições oficiais para investir na parte social.

Campeão em 1956 do Campeonato Varzeano

Fonte: O Pioneiro e Site do Clube

Compartilhe nas redes sociais....
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Pin on Pinterest
Pinterest
Email this to someone
email

Clubes do Rio Grande do Sul – Grêmio Esportivo Gianella (Caxias do Sul)

Nome: Grêmio Esportivo Gianella
Endereço: Rua Matteo Gianella, 1512 – Caxias do Sul / RS
Fundação: 13 de maio de 1945
Cores: azul / vermelho / branco
Histórico: Campeão Amador de Caxias do Sul nos anos de 1949 e 1950.

Fonte: Wikipedia, Página do clube no Facebook

Compartilhe nas redes sociais....
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Pin on Pinterest
Pinterest
Email this to someone
email