América Futebol Clube (Belo Horizonte – MG) – Campeão Mineiro de 1948

09 de maio de 1948
América 1×0 Metalusina, em Barão de Cocais
16 de maio de 1948
América 2×0 Villa Nova, em Nova Lima
13 de junho de 1948
América 1×1 Cruzeiro, em Belo Horizonte
19 de junho de 1948
América 5×0 Sete de Setembro, em Belo Horizonte
27 de junho de 1948
América 5×1 Siderúrgica, em Belo Horizonte
04 de julho de 1948
América 0x3 Atlético, em Belo Horizonte
25 de julho de 1948
América 2×0 Sete de Setembro, em Belo Horizonte
08 de agosto de 1948
América 1×1 Villa Nova, em Belo Horizonte
15 de agosto de 1948
América 3×1 Metalusina, em Belo Horizonte
05 de setembro de 1948
América 2×1 Cruzeiro, em Belo Horizonte
12 de setembro de 1948
América 2×1 Siderúrgica, em Sabará
19 de setembro de 1948
América 1×3 Atlético, em Belo Horizonte
26 de setembro de 1948
América 5×0 Siderúrgica, em Belo Horizonte
10 de outubro de 1948
América 4×1 Sete de Setembro, em Belo Horizonte
31 de outubro de 1948
América 2×0 Cruzeiro, em Belo Horizonte
07 de novembro de 1948
América 3×2 Metalusina, em Belo Horizonte
21 de novembro de 1948
América 0x0 Villa Nova, em Belo Horizonte
28 de novembro de 1948
América 3×1 Atlético, em Belo Horizonte

Fonte: Gazeta Esportiva / SP

Clube de Regatas Vasco da Gama (Rio de Janeiro – RJ) – Campeão do Torneio Municipal de 1947

Vasco da Gama 4×1 América / Data: 13/04/1947 / Local: Estádio da Rua General Severiano, no Rio de Janeiro / Renda: Cr$ 63.934,00 / Árbitro: Mário Vianna / Gols: Lima, Maneca (2), Friaça e Chico / Vasco da Gama: Barbosa; Augusto e Rafagneli; Eli, Danilo e Jorge; Djalma, Maneca, Friaça, Lelé e Chico / América: Osni; Domício e Gritta; Oscar, Humaitá e Castanheira; Ivan, Maneco, César, Lima e Esquerdinha

Vasco da Gama 8×0 Bangu / Data: 20/04/1947 / Local: Estádio da Rua Conselheiro Galvão, no Rio de Janeiro / Renda: Cr$ 21.554,00 / Árbitro: Alzilar Costa / Gols: Lelé (4), Friaça, Maneca, Alfredo e Chico / Vasco da Gama: Barbosa; Augusto e Rafagneli; Eli, Danilo e Jorge; Alfredo, Maneca, Friaça, Lelé e Chico / Bangu: Rossari; Nogueira e Bilulu; Wilson, Brito e Ivan; Antero, Cardoso, Moacir Bueno, Menezes e Sá Pinto

Vasco da Gama 6×1 Bonsucesso / Data: 27/04/1947 / Local: Estádio Caio Martins, em Niterói – RJ / Árbitro: Valdemar Kitainger / Gols: Friaça (4), Chico, Alfredo e Zé Luis / Vasco da Gama: Barbosa; Augusto e Sampaio; Eli, Danilo e Jorge; Alfredo, Maneca, Friaça, Lelé e Chico / Bonsucesso: Oncinha, Nanetti e Hernandes, Vicentini, Mirim e Antoninho, Fausto, Zé Luis, Nerino, Ubaldo e Eunápio

Vasco da Gama 6×2 Olaria / Data: 04/05/1947 / Local: Estádio Caio Martins, em Niterói – RJ / Renda: Cr$ 21.161,00 / Árbitro: Waldemar Kitzinger / Gols: Friaça (2), Maneca (2), Lelé, Chico, Jorginho e Augusto (contra) / Vasco da Gama: Barbosa; Augusto e Sampaio; Eli, Danilo e Jorge; Alfredo, Maneca, Friaça, Lelé e Chico / Olaria: Alfredo; Laércio e Amauri; Leleco, Spinelli e Ananias; Nelsinho, Paulo, Tião, Tim e Jorginho

Vasco da Gama 2×1 São Cristóvão / Data: 11/05/1947 / Local: Estádio da Rua General Severiano, no Rio de Janeiro / Renda: Cr$ 110.328,00 / Árbitro: Lázaro dos Santos / Gols: Friaça (2) e Cidinho / Vasco da Gama: Barbosa; Augusto e Sampaio; Eli, Danilo e Jorge; Alfredo, Maneca, Friaça, Lelé e Chico / São Cristóvão: Louro; Mundinho e Macaé; Pelado, Índio e Souza; Cidinho, Neca, Bidon, Nestor e Magalhães

Vasco da Gama 5×0 Canto do Rio / Data: 17/05/1947 / Local: Estádio da Rua General Severiano, no Rio de Janeiro / Renda: Cr$ 20.038,00 / Árbitro: Waldemar Kitzinger / Gols: Friaça(3), Lelé e Maneca / Vasco da Gama: Barbosa; Augusto e Rafagneli; Eli, Danilo e Jorge; Nestor, Maneca, Friaça, Lelé e Chico / Canto do Rio: Odair; Borracha e Lamparina; Carango, Bonifácio e Oto; Heitor, Pascoal, Geraldino, Edésio e Noronha

Vasco da Gama 2×2 Flamengo / Data: 25/05/1947 / Local: Estádio da Rua General Severiano, no Rio de Janeiro / Renda: Cr$ 156.905,00 / Árbitro: Mário Vianna / Gols: Tião (2), Maneca e Chico / Vasco da Gama: Barbosa; Augusto e Rafagnelli; Eli, Danilo e Jorge; Nestor, Maneca, Friaça, Lelé e Chico / Flamengo: Luís Borracha; Newton e Norival; Biguá, Bria e Jaime, Adilson, Zizinho, Pirilo, Vaguinho e Tião

Vasco da Gama 0x4 Botafogo / Data: 31/05/1947 / Local: Estádio da Gávea, no Rio de Janeiro / Árbitro: Mário Vianna / Gols: Heleno de Freitas (2), Santo Cristo e Octávio / Vasco da Gama: Barbosa, Augusto e Rafanelli; Ely, Danilo e Vitorino; Djalma, Maneca, Friaça, Lelé e Chico / Botafogo: Ary, Gérson e Sarno; Ivan, Cid e Juvenal; Oswaldinho, Geninho, Heleno de Freitas, Octávio e Santo Cristo

Vasco da Gama 3×2 Fluminense / Data: 07/06/1947 / Local: Estádio da Gávea, no Rio de Janeiro / Renda: Cr$ 80.647,00 / Árbitro: Alberto da Gama Malcher / Gols: Djalma (2), Lelé, Simões e Ademir / Vasco da Gama: Barbosa; Augusto e Rafagneli; Eli, Danilo e Alfredo; Djalma, Maneca, Friaça, Lelé e Chico / Fluminense: Robertinho; Gualter e Hélvio; Berascochéa, Telesca e Noronha; Pedro Amorim, Ademir, Simões, Careca e Rodrigues

Vasco da Gama 4×2 Madureira / Data: 21/06/1947 / Local: Estádio de General Severiano, no Rio de Janeiro / Gols: Didi (2), Eugen, Ferrinho e Pacheco (2) / Vasco da Gama: Castro, Laerte e Wilson, Romulo, Moacir e Aedo, Ferrinho, Dimas, Heitor Pacheco, Eugen e Mário / Madureira: Nenem, Mário Brandão e Julinho, Hermínio, Nilton e Kola, Lupércio, Didi, Dodô, Godofredo e Esquerdinha

Fonte: Arquivos de Jorge Costa

Santana Esporte Clube (AP) – Campeão Amapaense de 1962

1º Turno

Santana 4×0 Juventus
Santana 7×0 Latitude
Santana 7×2 América
Santana 2×3 Macapá
Santana 10×2 Amapá
Santana 0x0 Cea Clube

Decisão do 1º Turno

Santana 2×0 Macapá

2º Turno

Santana 4×2 Juventus
Santana 6×4 Latitude
Santana 3×0 América
Santana 3×2 Macapá
Santana 2×1 Amapá
Santana 1×2 Cea Clube

Fonte: Icomi Notícias

Grêmio Esportivo Renner (RS) – Campeão Citadino e Estadual de 1954

Fonte: Rosélio Basei

Campeonato Citadino de Porto Alegre (RS) – 1954

Renner 3×1 Aimoré / 01 de agosto de 1954 / São Leopoldo / Árbitro: Hans Lutzkat / Renda: Cr$ 12.180,00 / Gols: Olávio, Ênio Andradde, Breno e Araguari / Renner: Valdir; Orlando e Paulistinha; Bonzo, Ivo Andrade e Olávio; Pedrinho, Breno, Juarez, Ênio Andrade e Joeci / Aimoré: Dóia; Rui e Tião; Gregório, Nestor e Joni; Argentino, Kim, Alfeu, Araguari e Dirceu

Renner 2×0 Flamengo / 08 de agosto de 1954 / Porto Alegre / Árbitro: Hans Lutzkat / Renda: Cr$ 16.100,00 / Gols: Juarez e Ênio Andrade / Renner: Valdir; Orlando e Paulistinha; Bonzo, Ivo Andrade e Olávio; Pedrinho, Breno, Juarez, Ênio Andrade e Joeci / Flamengo: Storck; Danga e Bexiga; Remi, Libinho e Ghizzoni; Mirinho, Zizinho, Alberi, Samuel e Danilo

Renner 2×0 Floriano / 15 de agosto de 1954 / Novo Hamburgo / Árbitro: Julio Petersen / Renda: Cr$ 30.000,00 / Gols: Juarez e Joeci / Renner: Valdir; Orlando e Paulistinha; Bonzo, Ivo Andrade e Olávio; Pedrinho, Ivo Costa, Juarez, Ênio Andrade e Joeci / Floriano: Paulinho; Bino e Heitor; Hélio, Gernot e Crespo; Chagas, Martins, Mujica, Charuto e Raul

Renner 6×0 Força e Luz / 21 de agosto de 1954 / Porto Alegre / Árbitro: Hans Lutzkat / Renda: Cr$ 9.445,00 / Gols: Juarez (4), Joeci e Pedrinho / Renner: Valdir; Orlando e Paulistinha; Bonzo, Ivo Andrade e Olávio; Pedrinho, Ivo Costa, Juarez, Ênio Andrade e Joeci / Força e Luz: Osmar; Lino e Dico; Delmar, Riograndino e Grigolo; Valdemar, Zacarias, Valau, Grejó e Neno

Renner 3×1 Internacional / 07 de setembro de 1954 / Porto Alegre / Árbitro: Julio Petersen / Renda: Cr$ 141.610,00 / Gols: Breno, Joeci, Pedrinho e Larri / Renner: Valdir; Orlando e Paulistinha; Bonzo, Leo e Olávio; Pedrinho, Breno, Ivo Costa, Ênio Andrade e Joeci / Internacional: Milton; Florindo e Lindoberto; Oreco, Salvador e Odorico; Luizinho, Bodinho, Larri, Airton e Canhotinho

Renner 2×2 Juventude / 13 de setembro de 1954 / Caxias do Sul / Árbitro: Artur Vilarinho / Renda: Cr$ 56.700,00 / Gols: Joeci, Pedrinho, Lori e Carlinhos / Renner: Valdir; Orlando e Paulistinha; Bonzo, Leo e Olávio; Pedrinho, Breno, Ivo Costa, Ênio Andrade e Joeci / Juventude: Casara; Valentim e Julião; Dutra, Camanga e Ninha; Artemio, Lori, Carlinhos, Luiz e Orlando / Obs.: Esta partida foi suspensa aos 55 min por falta de garantias e concluída dia 26 de setembro de 1954

Renner 1×0 Grêmio / 10 de outubro de 1954 / Porto Alegre / Árbitro: Fortunato Tonelli / Renda: CR$ 84.525,00 / Gol: Breno / Renner: Valdir; Orlando e Paulistinha; Bonzo, Leo e Olávio; Pedrinho, Breno, Ivo Costa, Ênio Andrade e Joeci / Grêmio: Sergio; Hugo e Roberto; Airton, Itamar e Orli; Tesourinha, Milton, Victor, Zunino e Alvim

Renner 2×1 Nacional / 16 de outubro de 1954 / Porto Alegre / Árbitro: Fortunato Tonelli / Renda: Cr$ 12.585,00 / Gols: Joeci, Juarez e Miroca / Renner: Valdir; Orlando e Paulistinha; Bonzo, Leo e Olávio; Pedrinho, Breno, Juarez, Ênio Andrade e Joeci / Nacional: Machado; Pinga e Ortunho; Quito, Milton e Marinho; Nena, Miroca, Zé Ivo, Hercílio e Belo

Renner 4×1 Cruzeiro / 31 de outubro de 1954 / Porto Alegre / Árbitro: Romeu Cruz / Renda: Cr$ 5.655,00 / Gols: Sabiá (2), Raul, Breno e Rudimar / Renner: Valdir; Orlando e Paulistinha; Bonzo, Leo e Olávio; Sabiá, Breno, Juarez, Ênio Andrade e Pedrinho / Cruzeiro: Raul; Nonô, Neno e Leo; Casquinha e Bruno; Ferraz, Rudimar, Huguinho, Quincas e Ross

Renner 1×0 Flamengo / 21 de novembro de 1954 / Caxias do Sul / Árbitro: Fortunato Tonelli / Renda: Cr$ 19.340,00 / Gol: Sabiá / Renner: Valdir; Orlando e Paulistinha; Bonzo, Leo e Olávio; Pedrinho, Breno, Juarez, Ênio Andrade e Sabiá / Flamengo: Cestari; Danga e Bexiga; Remi, Libinho e Ghizzoni; Samuel, Cabeça, Zezinho, Jurandir e Danilo

Renner 5×4 Cruzeiro / 28 de novembro de 1954 / Porto Alegre / Árbitro: Fortunato Tonelli / Renda: Cr$ 13.250,00 / Gols: Joeci (2), Ênio Andradde (2), Juarez, Casquinha, Soligo, Ferraz e Rudimar / Renner: Valdir; Orlando e Paulistinha; Bonzo, Ivo Andrade e Olávio; Pedrinho, Breno, Juarez, Ênio Andrade e Joeci / Cruzeiro: Borracha; Nonô e Valtão; Casquinha, Leo e Bruno; Ferraz, Rudimar, Huguinho, Soligo e Tesourinha II

Renner 5×0 Força e Luz / 11 de dezembro de 1954 / Porto Alegre / Árbitro: Romeu Cruz / Renda: Cr$ 4.960,00 / Gols: Breno (2), Joeci (2) e Juarez / Renner: Valdir; Orlando e Paulistinha; Bonzo, Leo e Olávio; Pedrinho, Breno, Juarez, Ênio Andrade e Joeci / Força e Luz: Nei; Lino e Dico; Grijó, Riograndino e Grigolo; Carboleno, Zacarias, Martins, Valdemir e Gasolina

Renner 3×0 Grêmio / 19 de dezembro de 1954 / Porto Alegre / Árbitro: Fortunato Tonelli / Renda: CR$ 100.030,00 / Gol: Joeci (2) e Breno / Renner: Valdir; Orlando e Paulistinha; Bonzo, Leo e Olávio; Pedrinho, Breno, Juarez, Ênio Andrade e Joeci / Grêmio: Sergio; Airton e Altino; Roberto, Sarará e Ênio Rodrigues; Tesourinha, Delém, Itamar, Zunino e Torres

Renner 6×1 Aimoré / 22 de dezembro de 1954 / Porto Alegre / Árbitro: Fortunato Tonelli / Gols: Juarez (3), Breno (2), Pedrinho e Araguari / Renner: Valdir; Orlando e Paulistinha; Bonzo, Leo e Olávio; Sabiá, Breno, Juarez, Ênio Andrade e Joeci / Aimoré: Dóia; Joni e Tião; Dirceu, Quim e Silvio, Argentino, Alfeu, Araguari, Evaldo e Dirceu

Renner 3×3 Nacional / 02 de janeiro de 1955 / Porto Alegre / Árbitro: Hans Lutzkat / Renda: Cr$ 44.595,00 / Gols: Breno (2), Juarez, Neno, Carlos e Hercílio / Renner: Valdir; Orlando e Paulistinha; Bonzo, Leo e Olávio; Pedrinho, Breno, Juarez, Ênio Andrade e Joeci / Nacional: Machado; Pinga e Ortunho; Quito, Milton e Marinho; Carlos, Nena, Zé Ivo, Hercílio e Belo

Renner 9×2 Juventude / 08 de janeiro de 1955 / Porto Alegre / Árbitro: Fortunato Tonelli / Renda: Cr$ 32.110,00 / Gols: Breno (4), Juarez (3), Ênio Andradde, Joeci e Carlinhos (2) / Renner: Valdir; Orlando e Paulistinha; Bonzo, Leo e Olávio; Pedrinho, Breno, Juarez, Ênio Andrade e Joeci / Juventude: Casara; Valentim e Julião; Jerônimo, Camanga e Dutra; Volnei, Lori, Carlinhos, Luiz e Orlando

Renner 0x0 Floriano / 16 de janeiro de 1955 / Porto Alegre / Árbitro: Julio Petersen / Renda: Cr$ 32.865 / Renner: Valdir; Orlando e Paulistinha; Bonzo, Leo e Olávio; Pedrinho, Breno, Ivo Costa, Ênio Andrade e Joeci / Floriano: Paulinho; Bino e Remi; Hélio, Sinval e Crespo; Chagas, Martins, Geada, Charuto e Mujica

Renner 2×0 Internacional / 21 de janeiro de 1955 / Porto Alegre / Árbitro: Fortunato Tonelli / Renda: Cr$ 170.560,00 / Gols: Juarez (2) / Renner: Valdir; Orlando e Paulistinha; Bonzo, Gago e Olávio; Pedrinho, Breno, Juarez, Ênio Andrade e Joeci / Internacional: Milton; Florindo e Lindoberto; Mossoró, Oreco e Salvador; Fernandez, Bodinho, Larri, Jerônimo e Canhotinho

Campeonato Estadual – 1954

Renner 2×0 Ferrocarril / 30 de janeiro de 1955 / Uruguaiana / Árbitro: Fortunato Tonelli / Gols: Breno e Joeci / Renner: Luiz Carlos; Orlando e Paulistinha; Edgar, Léo e Olávio; Pedrinho, Breno, Juarez, Ênio Andrade e Joecy / Ferrocarril: Garcia; Juarez e Amantino; Bentevi, Aguilar e Santos; Valdemar, Quico, Chirimino, Ramão e David

Renner 1×1 Brasil / 06 de fevereiro de 1955 / Pelotas / Árbitro: Hans Lutzkat / Gols: Juarez e Joaquinzinho / Renner: Valdir; Orlando e Bonzo; Paulistinha, Gago e Olávio; Pedrinho, Breno, Juarez, Ênio Andrade e Joeci / Brasil: Caruccio; Osvaldo e Duarte; Tibirica, Seara e Jari; Mortosa, Caizé, Negrito, Joaquinzinho e João Borges

Renenr 1×0 Ferrocarril / 20 de fevereiro de 1955 / Porto Alegre / Árbitro: Horst Herden / Gol: Juarez / Renner: Valdir; Orlando e Bonzo; Paulistinha, Léo e Olávio; Pedrinho, Breno, Juarez, Ênio Andrade e Joecy / Ferrocarril: João Neves; Juarez e Amantino; Bentevi, Pocho e Tica; Valdemar, Santos, Chirimino, Ramão e David

Renner 3×0 Brasil / 03 de abril de 1955 / Porto Alegre / Árbitro: Fortunato Tonelli / Gols: Breno (2) e Pedrinho / Renner: Valdir; Orlando e Bonzo; Paulistinha, Léo e Olávio; Pedrinho, Breno, Juarez, Ênio Andrade e Joecy / Brasil: Caruccio; Osvaldo e Duarte; Tibirica, Seara e Jari; Mortosa, Caizé, Negrito, Joaquinzinho e João Borges

Agradecimentos a Douglas Rambor, José Luiz Tavares Maciel, Izam Muller e Leonardo Reis de Souza

Torneio Início Potiguar – 1973

Data: 13 de abril de 1973
Local: Natal – RN
Renda: Cr$ 25.490,00

1º Jogo – Força e Luz 2×0 Ferroviário
2º Jogo – Atlético 0x0 Alecrim (5×4 pen)
3º Jogo – América 2×0 Riachuelo
4º Jogo – ABC 2×1 Força e Luz
5º Jogo – América 0x0 Atlético (3×2 pen)
Final – ABC 0x0 América (5×3 pen)

Campeão – ABC Futebol Clube (Natal – RN)

Fonte: Diário de Natal / RN

Mixto Esporte Clube (Cuiabá – MT) – Campeão Cuiabano de 1970

26.07.1970
Mixto 2×0 São Cristóvão (Cuiabá), em Cuiabá – MT
09.08.1970
Mixto 1×0 Real Madrid (Cuiabá), em Cuiabá – MT
30.08.1970
Mixto 2×0 Comercial (Poconé), em Cuiabá – MT
20.09.1970
Mixto 0x0 Palmeiras (Cuiabá), em Cuiabá – MT
04.10.1970
Mixto 4×4 Dom Bosco (Cuiabá), em Cuiabá – MT
25.10.1970
Mixto 1×0 Dom Bosco (Cuiabá), em Cuiabá – MT
01.11.1970
Mixto 2×2 Palmeiras (Cuiabá), em Cuiabá – MT
06.11.1970
Mixto 3×0 Real Madrid (Cuiabá), em Cuiabá – MT
22.11.1970
Mixto 3×0 São Cristóvão (Cuiabá), em Cuiabá – MT
07.12.1970
Mixto 3×3 Comercial (Poconé), em Cuiabá – MT
14.12.1970
Mixto 2×0 Palmeiras (Cuiabá), em Cuiabá – MT
22.12.1970
Mixto 0x0 Dom Bosco (Cuiabá), em Cuiabá – MT
17.01.1971
Mixto 2×1 Comercial (Poconé), em Cuiabá – MT
24.01.1971
Mxto 2×1 Comercial (Poconé), em Cuiabá – MT

Fonte: Arquivos de Sérgio Santos

Grêmio Atlético Sampaio (Rio Branco – AC) – Campeão Acreano de 1967

21.05.1967
Sampaio 5×2 Vasco da Gama, em Rio Branco
04.06.1967
Sampaio 5×1 Andirá, em Rio Branco
17.06.1967
Sampaio 0x0 Atlético, em Rio Branco
25.06.1967
Sampaio 1×1 Juventus, em Rio Branco
08.07.1967
Sampaio 3×1 Independência, em Rio Branco
16.07.1967
Sampaio 1×0 Rio Branco, em Rio Branco
10.08.1967
Sampaio 1×1 Andirá, em Rio Branco
23.08.1967
Sampaio 1×0 Atlético, em Rio Branco
30.08.1967
Sampaio 3×1 Juventus, em Rio Branco
07.09.1967
Sampaio 4×2 Independência, em Rio Branco
14.09.1967
Sampaio 1×2 Rio Branco, em Rio Branco
21.09.1967
Sampaio 3×2 Vasco da Gama, em Rio Branco

Fonte: “Futebol Acreano em Revista”

Atlético Acreano (Rio Branco – AC) – Campeão Acreano de 1968

15.06.1968
Atlético 0x0 Andirá, em Rio Branco
07.07.1968
Atlético 3×2 Independência, em Rio Branco
21.07.1968
Atlético 0x0 Sampaio, em Rio Branco
03.08.1968
Atlético 4×1 Rio Branco, em Rio Branco
25.08.1968
Atlético 2×1 Vasco da Gama, em Rio Branco
15.09.1968
Atlético 1×0 Juventus, em Rio Branco
12.10.1968
Atlético 1×2 Rio Branco, em Rio Branco
19.10.1968
Atlético 4×2 Juventus, em Rio Branco
01.11.1968
Atlético 0x0 Andirá, em Rio Branco
15.11.1968
Atlético 0x1 Sampaio, em Rio Branco
07.12.1968
Atlético 1×3 Vasco da Gama, em Rio Branco
21.12.1968
Atlético 1×1 Independência, em Rio Branco

Fonte: “Futebol Acreano em Revista”

Ferroviário Esporte Clube – Campeão Maranhense Invicto de 1957

Fonte: http://futebolmaranhenseantigo.blogspot.com

Em 1957 o Ferroviário Esporte Clube realizou uma campanha impecável, conquistando de forma invicta o Campeonato Maranhense daquele ano. Abaixo a sua trajetória rumo ao título:

15.06.1957                   
Moto Clube 1×1 Ferroviário
23.06.1957                   
Ferroviário 3×2 Maranhão
30.06.1957                   
Ferroviário 1×0 Vitória do Mar
07.07.1957
Ferroviário 4×2 Sampaio Corrêa
21.07.1957                   
Ferroviário 1×0 Moto Clube
03.08.1957
Ferroviário 1×0 Maranhão
10.08.1957                   
Ferroviário 1×1 Vitória do Mar
17.08.1957
Sampaio Corrêa 2×1 Ferroviário (1)

(1) O Sampaio Corrêa perdeu os pontos desta partida

Fonte: Livro “História do Campeonato Maranhense 1918 – 2018”

Foto Histórica – Bloco Esportivo Morgenau (Curitiba – PR) – 1949

Fonte: Arquivos de Levi Mulford Chretsenzen

Neste ano o clube sagrou-se Campeão Suburbano da Federação Paranaense de Futebol (2ª Divisão) com a seguinte campanha:

1×0 3×0 Bacacheri
5×1 6×2 5 de Maio
8×0 3×1 Ipiranga
3×2 W0x0 Kosmos
1×2 4×0 Madureira
3×5 5×1 Vasco da Gama
4×3 3×1 Pinheiral
4×2 5×1 Belmonte
2×1 4×1 Clube dos Espartanos

Equipe campeã: Chamano (Lúcio); Romildo e Nelsinho (Osvaldinho); Orestes, Jesus e Luvizotto (Perácio); Juca, Rato (Pardal), Ito, Air e Ataíde.