Torneio Zuza Ferreira (BA) – 1951

A Federação Baiana de Desportos Terrestres para homenagear Zuza Ferreira que é considerado por muitos quem trouxe o futebol para as terras baianas, um torneio amistoso com a participação do Villa Nova, campeão mineiro de 1951 e o Vitória, campeão capixaba de 1950. Houve a necessidade de uma seletiva para escolher os dois representantes baianos.

Seletiva para o Torneio Zuza Ferreira

Ypiranga 1×0 Vitória / 04 de novembro de 1951 / Fonte Nova, em Salvador / Árbitro: Carlos Prtas / Gol: Raimundinho / Ypiranga: Ferrari, Pequeno e Valder; Zizo (Mario), Valter (Antônio Mário) e Raimundo; Marito, Novinha, Antônio Mário, Israel e Bernardo (Raimundinho) / Vitória: Periperi, Alírio e Joel; Eduardo, Bengalinha (Viana) e Bombeiro; Bionga, Maneca, Nouca (Juvenal), Elias e Sibauma (Dedé)

Bahia 2×1 Botafogo / 04 de novembro de 1951 / Fonte Nova, em Salvador / Árbitro: Dante Correia / Gols: Carlito, Isaltino e Célio / Bahia: Zaluar, Ivon e Zé Grilo; Nilton, Evilásio e Tóia; Alfredo, Zé Hugo, Carlito, Tuta e Isaltino / Botafogo: Grosso, Vadoca e Alberto; Júlio, Flávio e Tatuí; Dedeu, Célio, Tombinho, Antônio e Titas

Torneio Zuza Ferreira

Turno Único

Bahia 1×1 Ypiranga / 11 de novembro de 1951 / Fonte Nova, em Salvador / Árbitro: Geraldo Fernandes / Gols: Zé Hugo e Novinha / Bahia: Zaluar, Ivon e Zé Grilo; Nilton, Valdir e Tóia (Guiu); Elias, China (Carlito), Zé Hugo (Alfredo), Juca e Isaltino / Ypiranga: Ferrari, Pequeno e Alberto (Prego); Zizo (Mario), Valter e Raimundo I; Marito (Edson), Antônio Mário, Novinha, Israel e Raimundinho

Villa Nova 2×1 Vitória / 11 de novembro de 1951 / Fonte Nova, em Salvador / Árbitro: Carlos Prats / Gols: Foguete (2) e Lucas / Villa Nova: Arizona, Madeira e Anísio; Vicente, Lito e Tão; Tobias, Vaduca, Rodolfo, Foguete e Fradeco / Vitória: Louro, Hélio (Dodoca) e Benjamin; Dodoca (Dinga), Veraldo e Alípio; Michel (Biancucio), Lucas, Tom (Vinícius), Miguez e Gessy

Vitória 3×2 Ypiranga / 15 de novembro de 1951 / Fonte Nova, em Salvador / Árbitro: José Peixoto Nova / Gols: Lucas (3) e Bernardo / Vitória: Louro (Ananias), Hélio e Benjamin (Atílio); Dodoca, Veraldo e Alípio; Michel (Maurício), Lucas, Tom (Biancucio), Miguez e Gessy / Ypiranga: Ferrari, Pequeno e Alberto (Prego); Zizo (Mario), Valter e Raimundo I; Antônio Mário (Bernardo), Chaves (Edson Chaves), Novinha, Jorge e Raimundinho

Villa Nova 2×0 Bahia / 15 de novembro de 1951 / Fonte Nova, em Salvador / Árbitro:  Geraldo Fernandes / Gols: Foguete e Vaduca / Villa Nova: Arizona, Madeira e Anísio; Vicente, Lito e Tão (Bichara); Osório, Tobias, Vaduca, Foguete e Rodolfo (Fradeco) / Bahia: Zaluar, Ivon e Zé Grilo; Nilton, Agnaldo e Valdir; Elias, China (Carlito), Zé Hugo, Tuta (Juca) e Isaltino

Villa Nova 1×0 Ypiranga / 18 de novembro de 1951 / Estádio da Graça, em Salvador / Árbitro: José Peixoto Nova / Gol: Tobias / Villa Nova: Arizona, Madeira e Anísio; Vicente, Lito e Romulo I (Tão); Osório, Tobias, Vaduca (Rodolfo), Foguete e Escurinho I (Fradeco) / Ypiranga: Ferrari, Pequeno e Prego; Mario (Orlando Maia), Zizo e Raimundo I; Marito (Bernardo), Antônio Mário (Raimundinho), Israel, Jorge (Edson Chaves) e Raimundo (Marito)

Vitória 3×2 Bahia / 18 de novembro de 1951 / Estádio da Graça, em Salvador / Árbitro: Carlos Prats / Gols: Miguez (2), Lucas, Tuta e Zé Hugo / Vitória: Louro, Benjamin (Dodoca) e Hélio; Dodoca (Atílio), Veraldo e Alípio; Michel (Maurício), Lucas, Tom, Miguez e Gessy / Bahia: Zaluar, Ivon e Zé Grilo; Nilton, Valdir e Agnaldo; Elias (Juca) (Camerino), China (Juca), Zé Hugo (Carlito), Tuta (Evilásio) e Isaltino

Campeão – Villa Nova Atlético Clube (Nova Lima – MG)

Fonte: Alexandre Lima

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.